Trabalho de casa, escolhi esta alternativa para consegui me dedicar 100% à minha filha. E na correria do dia, entre almoço, textos, brincadeiras, roupas, livros, pautas, limpeza, parquinho, pesquisas, cozinha… fico tentando encaixar cada coisa no seu lugar e conseguir fazer tudo no seu devido tempo. Impossível, bem sei. Mas prefiro acreditar que dá sim. Até porque tem dado muito certo e posso dizer que sou feliz assim.

Mas só consigo mergulhar de fato no trabalho quando Gabriela dorme e, quando se aproxima a hora do soninho da tarde nós duas ficamos ansiosas demais. Eu porque quero que ela logo adormeça para que eu dê uma gás no trabalho. Ela porque sente o sono, mas reluta em dormir.

Enfim, consigo acalmá-la. Deitada em meu colo ela mama e cai no sono. Penso em deitá-la na cama e voar até o computador. Mas olho para aquele rostinho lindo, dormindo em meu peito e suspiro… Decido ficar e curtir mais 5 minutinhos, em silêncio, bem tranquila, só admirando o meu grande amor. Vamos aproveitar porque eles crescem depressa demais.

Anúncios